Você está aqui
Home > Brasileirão > A TORCIDA QUE FAZ A IMORTALIDADE

A TORCIDA QUE FAZ A IMORTALIDADE

Fotos: Ducker.com.br

 

Olá amigos. Desta vez venho com boas notícias.

13901604_1149658878441266_2852890606713112131_nSe nosso retrospecto contra os pequenos é ruim, contra os grandes continua muito bom. Novamente com aquela síndrome de Robin Hood, que tira dos ricos para entregar aos pobres, o Grêmio conseguiu uma vitória maiúscula contra o Corinthians.

O jogo contra um dos favoritos ao título motivou a torcida, que lotou a Arena na manhã deste dia dos Pais. Mais de 50 mil pessoas apoiaram o time, mesmo vindo de dois empates contra times que certamente cairão para a série B.

A torcida atendeu o pedido, compareceu e apoiou o tempo todo. Mesmo sendo um jogo difícil, podemos dizer que o time fez uma partida perfeita, na defesa, meio de campo e ataque.

O técnico Roger conseguiu extrair o melhor do seu grupo, mesmo sem os selecionados Luan e Wallace. A defesa solida com grandes defesas de Marcelo Grohe e com a Pedro Geromel tomando conta do setor defensivo e tirando bolas de cima da linha do gol. Meio campo seguro com Maicon e Jadilson e com Douglas pifando os atacantes. E o ataque foi um caso a parte, um gol para cada jogador para ninguém se sentir diminuído.

Pedro Rocha, mesmo criticado tomou conta do primeiro tempo, exercendo forte pressão sobre o adversário, foi premiado com um gol ainda no primeiro tempo. Já no segundo tempo Everton marca o seu gol ainda início e logo após Bolanos encerra o seu jejum de gols. Dali pra frente foi só administrar a vantagem.

Mas o Grêmio já começou a vencer o jogo ainda na quinta-feira, quando foi anunciado o “Sold out”, venda total dos ingressos. O torcedor não quis saber, atendeu ao chamado. Inclusive ao apelo do técnico Roger, que pediu apoio incondicional.

É por essas e outras que o Grêmio é chamado de imortal, no momento em que está fragilizado. O torcedor aparece e empurra o time para cima. Mostra para todo mundo o seu orgulho e transfere toda essa energia para dentro de campo e mantem a imortalidade marcada no nome do Grêmio.

O ambiente não poderia ser melhor, manhã de domingo ensolarado. Dia perfeito para pais e filhos compartilharem o dia dos pais na Arena, saboreando um grande jogo do time do coração. Os arredores da Arena ficaram tomadas de azul, preto e branco, tendo várias churrasqueiras espalhadas pelo estacionamento e pelas ruas próximas.

Segundo informações do departamento consular, oficialmente, 50 cidades do sul do país enviaram excursões para assistir ao jogo, somando mais de 150 ônibus. Juntando com os torcedores da capital e com aqueles que foram de carro, a torcida gremista conseguiu bater o recorde da Arena em jogos do Grêmio, 50.184 torcedores que voltaram felizes para suas casas após o jogo.

O próximo jogo será neste mesmo horário no próximo domingo, contra o Flamengo em Brasília. Ainda não teremos a volta de Luan e Wallace da seleção, Edison e Jadilson também estarão fora por suspensão. Mas nesta mesma pegada de crescimento contra times grandes, vamos superar estas dificuldades e seguir rumo a liderança.

Um abraço, e até a próxima.

 

Artigos similares

Deixe uma resposta

Topo