Você está aqui
Home > Coluna > Hérnia de disco

Hérnia de disco

Você já sentiu alguma dor na coluna que piora ao tossir ou fazer algum esforço? Já “travou”? Sensação de dormência, formigamento ou perda de força nos braços e pernas? Esses podem ser um sinal de uma hérnia de disco.

Segundo a OMS (Organizaçâo Mundial de Saúde), 80% da população sofre ou irão sofrer com alguma dor nas costas, a região mais afeta é a lombar, pois suporta mias carga, pressão da gravidade, tem muita mobilidade e por má postura. Nos dias de hoje está ficando cada vez mais frequente queixas de dores na cervical, devido a tecnologias, uso do celular, e também por ser outra região com muita mobilidade. Devido esses fatores, essas são as regiões onde hérnias de disco são mais frequentes.

Para entender como surge uma hérnia de disco, vamos ver como funciona um disco intervertebral. Imagine um chiclete com recheio liquido dentro, nosso disco possui dois componentes, o núcleo (que a parte mais mole) e os anéis fibrosos que mantem esse núcleo centralizado. Se você pressionar um lado do chiclete o recheio liquido ira pressionar a parede que o sustenta, e se esta estiver frágil ira romper e o liquido extravasar.

A função dos discos intervertrais é basicamente absorver impactos, funcionam como um amortecedor, uma dica muito importante para a saúde dos discos, é sempre ter uma boa hidratação, beber 2 litros de líquido por dia, como já comentei em um dos post, pois estes discos atraem água, ou seja necessitam estar hidratados, caso contrário,perdem sua altura, iniciam um processo de degeneração de disco que fragiliza o mesmo.

Mas afinal o que pode causar uma hérnia e como ele se forma? Má postura, pouca hidratação, excesso de carga associado a movimentos de flexão da coluna, como erguer um peso dobrando as costas e aumento excessivo de peso são algumas causas da hérnia de disco.

O processo de formação da hérnia inicia com um desgaste do disco, desidratação, o disco saudável é capaz de suportar as cargas que recebe, quando realizamos movimentos de flexão e extensão a carga se concentra em um ponto do disco, se os anéis fibrosos já estiverem comprometidos, não serão capazes de suporta essa pressão o começam a romper até uma fase onde o núcleo do disco extravasa, podendo até comprimir os nervos.

05-09-hernia-texto

O melhor remédio é a prevenção, fazer atividade física, para fortalecer a musculatura que sustenta nossa coluna, boa alimentação e hidratação, a quiropraxia ajuda nestes casos, pois quanto mais alinhada as vértebras estiverem mais centralizada será a pressão feita nos discos. Em crises, além de quiropraxia pode ser utilizado alguns medicamentos, fisioterapia, e nos casos mais sérios, tratamento cirúrgico.

Artigos similares

Deixe uma resposta

Topo